sábado, 28 de agosto de 2010

A Queda

O amor é limbo.
Partindo deste precipício
Qualquer desgraça é bagagem
E pra descer todo espanto ajuda...

4 comentários:

Albuq disse...

Literalmente... todo espanto ajuda, bjs

Victor Meira disse...

Esmurrem Schoppenhauer, hahaha! Trocadilhos sutis, pelo menos. E o corpo é amarradinho, haha, divertido. Ê laiá, o amor. "qualquer desgraça é bagagem" é ótimo.

tenório disse...

Estou com o Victor: corpo amarrado, trocadilhos delicados. Belíssimo!

Hercília Fernandes disse...

"pra descer todo espanto ajuda"

Adorei, Lírica.
Esta queda [in.versos] é um primor!

Beijo,
H.F.