segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

quando vier o dia


Protesto contra a morte de uma jovem de 17 anos, moradora da favela Heliópolis, na zona sul de São Paulo, ocorrida em 1º de setembro de 2009. Foto de Werther Santana/Agência Estado.
(imagem do blog de Víctor Barone)
http://escrevinhamentos.blogspot.com

e quando vier o dia
os homens estarão mortos
as crianças tristes e perdidas
e órfãs as mulheres

quando vier o dia
ficarão pássaros com asas queimadas
e o grito insano da cidade

estaremos sedados
a noite e o país em pedaços

melhor fechar as janelas
e não ouvir

estaremos seguros em nossas casas
e alguém dirá que não existe guerra

15 comentários:

Wania disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Wania disse...

Dri querida

Até quando os dias conseguirão abafar os gritos insanos da cidade??



Lindo e forte é o teu poema, triste e verdadeira, a nossa realidade!

Bjs

Mirse Maria disse...

Lindo, DRI!

O poema mais real que já li.

E alguém se atreve a dizer que existe guerra?

AMEI!

Beijos

Mirse

tossan disse...

Essa é poesia urbana mesmo! Especial, do tipo que eu gosto mas, não sei fazer como você. Beijo e parabéns pela poetisa que tem dentro de você.

PS: Lá no blog da amiga in natura tem um do mesmo estilo, mais antigo

http://goldinnatura.blogspot.com

Úrsula Avner disse...

Oi Adriana,

este poema expressa bem a vida urbana que hoje vivemos. Estes dias de desalento intenso já estão presentes e infelizmente assolam nossa vida, removem a paz e entristecem o coração. É uma dura realidade, mas a poesia de algum modo nos salva... É como a rotina que escrevi comparando-a com uma velha sem viço. Bj,


Úrsula

Marcos Satoru Kawanami disse...

eu me lembro deste poema. os poeta protesta, e os Caim mata desde o Gênesis.

sidnei olívio disse...

Gostei muito. Beijo.

L. Rafael Nolli disse...

Impressionante.

Tião Martins disse...

Essa adriana é do ramo. Gostei.

Assis de Mello disse...

Belo poema, Adriana. Lindamente triste (ou tristemente linda) a imagem dos pássaros com asas queimadas,

BAR DO BARDO disse...

FFF
orte!

Adriana Godoy disse...

Agradeço a quem veio de verdade. beijos.

Barone disse...

Fortíssimo.

Joe_Brazuca disse...

o dia já é.



excelente !

Carlota Joaquina disse...

Cunhadão, simplesmente demais!!!!