sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

A Ilha (ou Feliz Ano de Novo...)

adjiidesesperowjawuhadawódioaskalsmedouofhlhajjlx
desamorkflçdioiseriqmmclvljxppopulênciapiquieojkfcrt
aksçdkjaijdiuuefdfd6guerraxfkdlçfsipiwesolidãosçdksd
fkomkjs6dsmedojkjf0dflsextorsãogtxinjustiçaeourekjdk
nmayangústiakjdnfsidhfreseeterrorismolfjldklfçlkjfajqts
diopidorhtwadsd8dqwmjxdoençasxroiesofrimentoapfp
i8dewjkjaksisoberbaxsdfleflkçkdespotismoxrtdalkwusi
pobrezadxfsioeixcorrupçãouisopdnvcjhbtristezakpnacb
nmndxmisérialjljawt khfdlssaipoluiçãoduispolíticakktrm
dsignorânciafjdlkpasjpgh PAZ pofxpedofiliahhruiiidjsjo
jaklsdismágoaxe0yuqwa idosjkisujeirasxkacovardiaytwe
ndjsluxúriadsmorteiodpsdasjdoinfâmiaxlesidmisériadkl
dskiaviolênciaojfkkjvkdsudespotismozfifposjuquqyaszx
ajslanalfabetismomakamediocridadexufiodfknhhuspeq
kdlksoiahipocrisiahjvíciokkrtrepressãonabskjhdrogastnk
jarsdhsubserviênciaovcxklkkxescravidãoxkjdksjçaicnmx
djksiedorhdlçsangústiaxmnkabzxxzpodridãojjeditaduras
hjsnjdauiosqwjkspobresadçlkfposwriitristezapdksjlakzas
ajkódioduswesabxioopressãoçskoifajisoeindiferençawd

8 comentários:

Juliana. disse...

Paz, palavra tão querida no meio de tantas tão tristes e fortes..
Bom dia!
Lindo texto..
Bjos

L. Rafael Nolli disse...

...e que essa palavra se imponha sobre as demais...
Boas festas, Joe!

Vera Pinheiro disse...

Ao olhar distraído, um amontoado de nada e uma única e significativa palavra. Depois a descobertas do que existe em torno e que sacrifica a mesma palavra que sobressai e a opção por ela. Gostei do exercício de atenção. E a desatenção desconstrói,fere, mata,não promove a paz. Òtimo, Joe!

Assis de Mello disse...

Muito criativo, Brazuca !!
PAZ é quase tudo aquilo que precisamos. Só digo "quase" porque achei "sex" no meio do poema rsss
Abraço do Chicooo

Flávio Machado disse...

muito interessante essa ilha de palavras, tenho um poema meio assim, só que mais quadrado, achei o seu muito melhor, leva a descobrir as palavras, a procurar.

abs
Flávio

Joe_Brazuca disse...



PAZ na terra aos homens de boa vontade e PÁS à terra de quem quer e precisa trabalha-la !!!

um beijo e abraço a todos poemadianos amigos e um baita d'um 2010 cheio de letrinhas e sopa pra todos e emprego pra todos e...sopa de letrinhas tb !...rs

super-valeu-esse-2009-com-voces !

e eita...vamo que vamo

Joe

TON disse...

Mesmo em meio a um painel imposto pela realidade é possível encontrar a PAZ. Como bem demonstrada esta poesia, ela está no centro de nós.

Muita luz para você.

Forte abraço,

TON

Diario da Fafi disse...

É. Tirando a Paz, esse conceito imaterial, pode tacar tudo num saco véio e vamos zerar, ou melhor rezar...

Um beijo, Joe.