sábado, 24 de outubro de 2009

Pacotaria do amor


Se amor se vendesse...

Eu venderia amor em muitas caixas

embrulharia cada uma

com metros de rima e, dentro, só fumaça

para o amor se esparramar, no céu, em cinza mágica.


Se amor se vendesse...

Eu venderia amor tal qual perfume na loja

com data de fabricação bem descrita

mas o vencimento... data vã, indefinida

posto não se saber, ao certo, a hora da chegada

nem quanto a dor da partida.


Se amor se vendesse...

Eu venderia amor em doses homeopáticas

capitalizaria cada gota de orvalho

faria da rosa seu marketing necessário

e, do beija-flor, um vendedor implacável:


- Quem dá mais? Quem dá mais? Quem dá mais?...

(Na Pacotaria do Amor, você compra amor e leva de brinde uma flor; por apenas alguns, poucos e míseros, trocados!)


Se amor se vendesse,

eu já estaria rica!...



by Hercília Fernandes



*Texto também disponível no site www.artigos.com, publicado em 09/08/07.

**Imagem extraída do Google.


7 comentários:

Joe_Brazuca disse...

quero comprar !

ótimo,Hercilia !

bj

L. Rafael Nolli disse...

Belo poema de amor, Hercília!

Vera Pinheiro disse...

Hercília, amada, que lindo! Tão delicado! Beijo!

Adriana Godoy disse...

Mais um encantador rico e belo poema. Bj

Felipe da Costa Marques disse...

puro amor ao saber
ou sabedoria do amor
verdadeiro

congratulações mil

Hercília Fernandes disse...

Agradeço a todos os AMIGOS pelas leituras e expressões. Me alegra bastante a apreciação de vocês.

Ando tanto quanto sobrecarregada de coisas, por isso peço-lhes perdão pela minha ausência. Brevemente, as férias chegarão e poderei atuar mais ativamente no espaço.

Beijos em todos e todas que integram o Poema Dia.

H.F.

Diario da Fafi disse...

Hercilia, Hercilia, sua poesia é tão doce...

carinhos