sexta-feira, 24 de julho de 2009

_____mundano



O mundo se abastece de mim

Eu, enfado de mundo...

Não convém mais saboreá-lo

tamanha a natureza das im-

perfeições que se interpõe

sob tão néctar vista...



by Hercília Fernandes





........O poema "mundano" consiste uma das miudezas que integrará o meu terceiro trabalho em livro. A obra, possivelmente, intitular-se-á nau frágil. Entretanto, ainda não há uma data precisa para lançamento, muito embora o livro se encontre em fase final de elaboração.


19 comentários:

Renata de Aragão Lopes disse...

Nau frágil.
Que seja um sucesso, Hercília!

L. Rafael Nolli disse...

É o que eu também desejo, Hercília! Um título muito bacana. Nau Frágil - tem uma constriução interessante, com um delicioso duplo sentido! Abraços.

Hercília Fernandes disse...

Renata e Rafael,

fico feliz que tenham apreciado o [provável] título.

Muito obrigada pelas leituras e carinhos expressos.

Um forte abraço :)
H.F.

BAR DO BARDO disse...

Ei, parabéns!

Belo texto!

Hercília Fernandes disse...

Obrigada, Bardo!

Beijos :)
H.F.

Benny Franklin disse...

A qualidade desse poema mostra a grandeza da sua poética, Hercilia!

Hercília Fernandes disse...

Obrigada, Benny, muito bom ouvir isso!

Este poema é um dos textos que integrará a minha Nau Frágil.

A obra ba si ca mente é composta por textos bem curtos, mediante uma categoria que venho explorando já há algum, de inspiração bachelardiana: "poética das miniaturas". Por isso, sempre me refiro aos poemos curtos como miudezas.

Agradeço a sua gentileza e boa oportunidade de diálogo.

Um abraço :)
H.F.

Barone disse...

Gostei bastante Hercília.

Flávio Machado disse...

Hercília interessante o nome do livro. Muito bom.

bjs
Flávio

Hercília Fernandes disse...

Barone e Flávio,

me alegra saber que gostaram. Obrigada pelas palavras.

Beijos :)
H.F.

samuca santos disse...

booooommmmmm!
com sabor de quero mais.
aguardemos, pois, o nau frãgil...

Adriana Godoy disse...

Mais um que arrebata. Sucesso na nova empreitada. beijo.

sidnei olívio disse...

Gostei muito, Hercília e aguardo pela nau. Bj.

Hercília Fernandes disse...

Samuca, Godoy, Sidnei

muito me apraz a apreciação de vocês. Obrigada pelas palavras calorosas.

Se tudo ocorrer como o previsto, prentendo lançar a Nau Frágil na época das festas natalinas; mas, nesse universo de editoração, nem sempre tudo acontece como planejamos. Porém, estou trabalhando para que aconteça conforme esse cronograma.

Aproveito o comentário para agradecer ao Victor Barone pela publicação do texto Mundando em seu belo espaço Escrevinhamentos. (http://escrevinhamentos.blogspot.com/) Adorei!

Um forte abraço em todos e todas do Poema Dia.

Beijos :)
H.F.

arash gitzcam disse...

Nectar, nome da minha banda...

Um pouco triste a visão do poema... Ou seria positiva na simples expressão néctar vista? Fica o mistério...

Jayme Ferreira Bueno disse...

Hercília,
o título é realmente poético. A nau é uma das imagens que melhor se adequam à poesia. A Cecília colocou o seu sonho num navio e o navio em cima do mar. Só que depois procurou afundar o seu sonho, fazendo-o naufragar. Penso que não será esse o espírito do seu livro, mas vale a referência à imagem belíssima da nau a navegar por mares desconhecidos, como diria Camões.
Sucesso com o novo livro!
Jayme

Hercília Fernandes disse...

*Arash,

gostei do nome de sua banda. Desejo que o som seja sempre um alimento para o corpo e, especialmente, o espírito. Agradeço a sua leitura e palavras expressas.

Prof. Jayme,

muito feliz com a sua visita ao Poema Dia e, sobretudo, com a fartura do comentário.

O poema "Canção" de Cecília Meireles é belíssimo e, para ser sincera, um dos meus preferidos da poética ceciliana. A sua relação, portanto, não é de modo algum leviana, faz muito sentido.

De fato não há uma associação direta da escolha deste título à canção ceciliana, mas há um forte imbricamento se considerarmos o que a imagem da Nau ilustra para a poesia e as emoções intrínsecas ao poeta durante o fenômeno criador. Nesse aspecto, a sua analogia é por demais coerente e poética.

Muito obrigada por sua presença sempre poética e amável.

Beijos em todos e todas :)
H.F.

Flávio Otávio Ferreira disse...

realmente, um belo jogo com as palavras este título...e, afinal, muito inspirador tbem... com essas "miudezas grandiosas" com certeza será um trabalho exitoso!!!
Abraço!!!

Hercília Fernandes disse...

Obrigada, Flávio Otávio.
Fazem-me contente as suas palavras. Excelente incentivo!

Beijos :)
H.F.