terça-feira, 5 de março de 2013

DIA/ DAI

DIA

no meu dia

não deixo ficar
o vazio

vadio

mas volto

escrevendo assim
Assim

DAI

dai hoje
nesta volta
cheia

trans-

bordante

seus bordados
Mim

2 comentários:

teca disse...

Tecendo uma a uma as letras em versos...poesia divinamente doce...

Beijos.

Betina Moraes disse...

seguindo o caminho...

:)