quinta-feira, 6 de maio de 2010



Dedicatória
ROGERIO SANTOS
(Para Arlete Ramos)

vou deixar dedicatória
uma palavrinha qualquer
uma tirada engraçadinha
de alegrar seu coração

numa frase bem bolada
que te pegue de surpresa
e arrebate um sorriso
de tenra e terna beleza

original dedicatória
rabiscada em lembrancinha
um mimo bem verdadeiro
como um bom sol na manhã

que a vida só vale por isso
no meio de tanta loucura
de tanta procura sem foco
tecer um poema e um sorriso

Um comentário:

Cíntia Thomé, Jornalista, Poeta . disse...

Tecer um poema com uma poética tão sublime é ganhar o dia, todos os dias...
Parabens...adorei!