quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Preferências

(diálogo entre miudezas)



I - saudável



A palavra era fugidia

demasiadamente vaga,

embora tardia.


Não era o que a minha

alma sonhadora sol-via

nem o corpo imperfeito,

debalde, pretendia.


Era uma palavra sadia...

sem sinais de combate,

cansaço, nem

esquizofrenia...



II - equívoco



prefiro o silêncio

a palavras ambíguas

negros apontamentos

a reticências de punhos

de cromos de tombos

de línguas...




by hercília fernandes


12 comentários:

Adriana Godoy disse...

Miudezas mais lindas! Adorei. beijo.

TON disse...

Isso é um poema!

Renata de Aragão Lopes disse...

Preferências em sutileza!

Lindos versos, Hercília!

Um beijo!

Joe_Brazuca disse...

Isso é um poema!(2)

tocante, no mínimo...

Cíntia Thomé, Jornalista, Poeta . disse...

REPETINDO ACIMA
ISSO É POEMA!!!

HERCÍLIA É POETA
SENTIMENTO AGUÇADO E NOS DÁ
ESSA SUAVIDADE NO PENSAR E VOAR...
PARABENS MESMO!

Hercília Fernandes disse...

Godoy,
Ton,
Renata,
Joe,
Cíntia

feliz estou com as leituras e palavras expressas às minhas miudezas.

Muito agradeço-lhes o carinho e expressões várias.

Um forte abraço em todos e todas do Poema Dia,

H.F.

L. Rafael Nolli disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
L. Rafael Nolli disse...

Li e reli. É um poema e tanto, tem ritmo, tem mistério, tem possibilidades de interpretação variadas. Ótimo poema, Hercília! Bom dividir contigo esse dia! Abraços.

Hercília Fernandes disse...

Também adoro a sua poesia, Rafael.
Para mim é uma honra apresentar-me ao seu lado, bem como integrar o Poema Dia.

Muito obrigada pelas afetuosas palavras.

Um forte abraço,
H.F.

Vera Pinheiro disse...

Hercília e Nolli na mesma data é puro Poema Dia. Linda!

Flá Perez (BláBlá) disse...

belos textinhos!

Barone disse...

Gostei.