terça-feira, 1 de dezembro de 2009

"- tudo em nós interior e exteriormente, clama
por uma perpetuação - então a eternidade é uma resposta"
Alda Lara



pelo seio nu da mãe ao entardecer
pelo ser cumprido na palavra
pelo gosto da buganvília pela língua inesperada
pelo odor franzido do sol pela gaivota vaga
pela onda finda na pele pela lua exposta
pela esperança ainda de uma pergunta - de uma resposta.

mariagomes
5,nov.2004

10 comentários:

Barone disse...

Belíssimo Maria!

"pelo gosto da buganvília pela língua inesperada"

Joe_Brazuca disse...

eternizou pelo poema...

expressivíssimo !

Carol Mioni disse...

A eternidade é uma resposta. Você mesma respondeu! Só a eternidade...

Helena disse...

Que lindo, Maria! clap, clap, clap! Parabéns!

abraço,

Helena

Francisco Coimbra disse...

Lembrou-me o Jogo da Pela com palavras, como elas são jogadas e voam como pélas... Palmas!

rogerio santos disse...

a eternidade é uma busca. e o poema...

Renata de Aragão Lopes disse...

lindo demais...

Eliana Mora (El) disse...

pelo te ver aqui
sempre a poesia nobre
de Maria


amei

beijos da El

Cíntia Thomé, Escritora e Poeta. disse...

Poema de crer , sempre crer...
Versos inteligentes
Alcançou o objetivo , sentimento aflorado....


ab

Cintia Thomé
.

Henrique Pimenta disse...

gênia