terça-feira, 6 de agosto de 2013

Mar agitado

Essa coisa no coração
Anda muito complicada
Por causa do teu jeitinho
Namoro, agora, a madrugada

Busco palavras na noite
Sobram rascunhos, papéis amassados
O corpo mal dormido
Acorda meio mareado

Durante o dia,  versos piratas inundam meu convés
Nos olhos teus, uma bússola
A poesia a teus pés


Nenhum comentário: